sábado, 2 de dezembro de 2017

JOGO “UNO” EM BRAILLE NA DE EDUCAÇÃO FÍSICA



Nas últimas semanas, nas aulas de Educação Física da turma do 4º ano 02, os alunos
estão tendo contato com uma forma diferenciada de jogar “Uno”, um jogo de mesa muito conhecido dos alunos e que vem sendo utilizado como um recurso didático pedagógico em algumas aulas. Porém, como o jogo oficial requer muito do sentido da visão para a diferenciação de cores, números e símbolos a professora pensou em uma forma de adaptá-lo para que todos pudessem jogar, pois, nesta turma há a aluna Marcelli Vitoria Tomazi, com deficiência visual-cegueira. A ideia da professora de Educação Física Djeniffer, que surgiu da busca por mais uma forma de incluir e socializar a aluna com os demais alunos foi a de transcrever as cartas para o Braille. Desta forma, a professora solicitou ajuda à profissional de apoio Samara Barbi Festratti que realizou a transcrição. Todas as cartas agora estão também em Braille o que possibilitou a participação da aluna no jogo e também o maior contato dos demais alunos com este sistema diferenciado de escrita e leitura utilizado por sua amiga de turma.

O sistema Braille
O sistema Braille é um processo de escrita e leitura baseado em 64 símbolos em relevo, resultantes da combinação de até seis pontos dispostos em duas colunas de três pontos cada. Pode-se fazer a representação tanto de letras, como algarismos e sinais de pontuação. Ele é utilizado por pessoas cegas ou com baixa visão, e a leitura é feita da esquerda para a direita, ao toque de uma ou duas mãos ao mesmo tempo.
O código foi criado pelo francês Louis Braille (1809 - 1852), que perdeu a visão aos 3 anos
e criou o sistema aos 16. Ele teve o olho perfurado por uma ferramenta na oficina do pai, que trabalhava com couro. Após o incidente, o menino teve uma infecção grave, resultando em cegueira nos dois olhos.
O Brasil conhece o sistema desde 1854, data da inauguração do Instituto Benjamin Constant, no Rio de Janeiro, chamado, à época, Imperial Instituto dos Meninos Cegos.
 



(Texto: Professora Djeniffer Dombrowicz Vasques)

VIAGEM DE ESTUDO - TURMAS DE PRÉ I - 2017


Com o objetivo de ampliar os conhecimentos adquiridos em sala de aula, os alunos do Pré I realizaram viagem de estudo ao Seminário Sagrado Coração de Jesus, em Corupá. O Seminário Sagrado Coração de Jesus abriga uma das primeiras instituições museológicas do estado de Santa Catarina, o Museu Sagrado Coração de Jesus, funcionando desde 1933 e que passou a denominar-se Museu Irmão Luiz Godofredo Gartner em 2004, uma homenagem ao seu principal mentor e idealizador, o religioso Luiz Godofredo Gartner. Com o tempo, Gartner desenvolveu a atividade da taxidermia – técnica de preservação de espécies animais, popularmente denominada empalhamento – reunindo um considerável acervo da fauna brasileira. No Museu Ir. Luiz Godofredo Gartner o acervo taxidermizado consta de uma coleção com aproximadamente 1.500 exemplares, dentre os quais aves, anfíbios, répteis, mamíferos e peixes. O primeiro exemplar empalhado do acervo é o guaxinim “mão-pelada”, exposto no museu. Acompanharam os alunos a Coordenadora Pedagógica Mari, Professoras Joyci e Sonia e o estagiário João.
  
Objetivos:
- Complementar os conteúdos abordados em sala de aula, através de passeio a campo visando à construção do próprio conhecimento. 

- Admirar uma verdadeira obra de arte. 
- Com a arte da taxidermia, apresentar a diversidade natural. 
- Desenvolver e fletir sobre a importância da preservação ambiental e o respeito à natureza. 
- Vivenciar o contato com a natureza.
 Roteiro:  
- Visita ao Seminário Sagrado Coração de Jesus. 
- Visita aos Jardins Temáticos (jardim europeu).

- Visita ao Museu Ir Luiz Godofredo Gartner. 
- Lanche (Piquenique).

Confira nos links as fotos de toda a viagem de estudo. 

 
 


VIAGEM DE ESTUDO - TURMAS DE PRÉ II - 2017



Com o objetivo de ampliar os conhecimentos adquiridos em sala de aula, os alunos do Pré II realizaram viagem de estudo a Pousada Rural Mundo Antigo, em Pomerode. A Pousada Rural Mundo Antigo possui uma área de 750.000m e pertence a família Fischer desde 1924. Nela há muitas belezas naturais, com muito verde, cachoeiras, águas cristalinas, lago e jardins floridos. Considerado o maior complexo no estilo germânico de Santa Catarina, lá encontra-se o único Museu com acervo histórico rural em funcionamento para lembrar aos visitantes o modo de vida antigo. Passeio de charretes e passeio a cavalo, além de playground - sala de jogos (tênis de mesa, cama elástica, mesa de pebolim...) e outras atividades. Acompanharam os alunos a Coordenadora Pedagógica Mari, Professoras Silene, Sonia, o professor Fernando e a auxiliar Aline
 
Interessados podem acessar o endereço abaixo para conhecer um pouquinho do que
vamos ver na viagem de estudos: http://www.mundoantigo.com.br/
Objetivos:
- Complementar os conteúdos abordados (Animais domésticos, Meio Ambiente Rural/Urbano, Tipos de Moradia, Cultura, Mundo Antigo/Mundo Atual) em sala de aula, através de passeio a campo visando à construção do próprio conhecimento. 
- Desenvolver a consciência ambiental, preservação e o respeito à natureza.Vivenciar o contato com a natureza e com diferentes espécies de animais.
Roteiro:
- Visita  a Pousada Rural Mundo Antigo.
- Visita ao Museu da Pousada com acervo histórico rural.
- Lanche/piquenique.
- Passeio pela Pousada Rural Mundo Antigo para observar as moradias (casas enxaimel), cultura alemã;
- Visita e observação durante passeio das belezas naturais, com muito verde, lago, águas cristalinas e jardins floridos.
- Visita e observação dos animais.
- Passeio de charrete e a cavalo.
- Brincar no playground - sala de jogos (tênis de mesa, cama elástica, mesa de pebolim...) e outras atividades.

Confira nos links as fotos de toda a viagem de estudo.
TURMAS MATUTINO e TURMAS VESPERTINO.

quinta-feira, 9 de novembro de 2017

GANHADORES DA AÇÃO ENTRE AMIGOS



A Escola Renato Pradi realizou na  terça-feira (07) o sorteio da nossa “Ação entre amigos”,  agradecemos o apoio e o empenho das famílias que participaram e contribuíram para o sucesso desta ação. Abaixo confira a lista dos ganhadores:
 
A escola entrará em contato para que seja realizada a retirada dos prêmios. Agradecemos imensamente à todos que contribuíram com os prêmios, bem como, com a vendas das cartelas.
O aluno que mais vendeu cartelas e ganhou uma viagem para o Parque Beto Carrero foi Rafael Fuzi - 7° ano 03, com 62 cartelas vendidas.

A turma que mais vendeu cartelas e ganhou o sorvete na escola foi a turma do 2° ano 03 com 83 cartelas destacando, a aluna Milena Eduarda Fuzi com 59 cartelas.
 
Parabéns aos ganhadores!

segunda-feira, 6 de novembro de 2017

GINCANA DE ATLETISMO - 5º ANOS


Na última terça-feira(31) teve o encerramento, com entrega de premiações, a Gincana de atletismo realizada pela professora Djeniffer Vasques com as turmas 5º01, 5º02 e 5º03. Tal gincana teve inicio no mês de Agosto, nas aulas de Educação Física, fazendo parte do projeto “Mini atletismo: uma ferramenta para o desenvolvimento global e harmonioso dos alunos”. 

A gincana teve como objetivo principal incentivar nos alunos, de forma lúdica, o interesse pelo conhecimento e prática da modalidade de atletismo, tão praticada mundialmente. Durante sua realização os alunos participaram de brincadeiras, provas teóricas e provas práticas, experimentando boa parte das provas da modalidade como: corrida de velocidade, corrida de revezamento, corrida com obstáculos, lançamentos de dardo e disco, arremesso de peso e salto em distância. 

Todas estas atividades foram realizadas com materiais de mini-atletismo adquiridos pela diretora Ligia Helena Braun junto a Secretaria de Educação. Cada uma delas valeu pontuação que foi sendo somada individualmente. Os cinco melhores pontuados dos naipes masculino e feminino, de cada turma, receberam premiação e medalhas. 
Agradecimento ao apoio da coordenadora pedagógica Eunice Jandrey Voss e das professoras regentes Vandileia Marquardt Cerezér e Juliiana Maria Borges.






(Texto: professora Djeniffer Vasques)

sexta-feira, 27 de outubro de 2017

SLACKLINE UMA NOVA OPÇÃO PARA AS AULAS DE EDUCAÇÃO FÍSICA


Giulia Sophia Bertoldi - Pré I

Todos sabemos da importância de fazer atividade física e de se manter ativo. Mas isto deve ser trabalhado já na infância, aliado a Educação Física. A Educação Física não se resume a correr, brincar, jogar bola, fazer ginástica... As aulas devem ser dinâmicas, estimulantes e interessantes. Na EMEB Renato Pradi a palavra de ordem é inovar e diversificar as aulas de Educação Física, pois o campo de trabalho envolve muitas atividades que podem ser trabalhadas com os alunos como jogos, competições, dança, música, teatro, expressão corporal, práticas de aptidão física, jogos de mímica, gincanas, dinâmica em grupo, etc.


Procurando inovar e proporcionar novas vivências de atividades diferenciadas o professor Fernando Lazzaris aplicou algumas aulas de Slackline com as turmas de Pré I ao 2º ano.

Isabella Girardeli - Pré II

O Slackline é um esporte de equilíbrio sobre uma fita de nylon, estreita e flexível. Apesar de pouco explorado e difundido o Slackline traz ótimos resultados nas aulas de Educação Física. O Slackline faz parte das tendências de modalidades contemporâneas e urbanas, está ligado à natureza e essa proximidade com o meio ambiente é uma forma de atrair o interesse dos alunos. Os alunos vivenciaram a sensação de andar na corda-bamba que, derivada da técnica circense, desafiando os limites de resistência dos participantes, além de trabalhar o equilíbrio, coordenação, atenção, concentração e força. Para facilitar a aceitação o professor amarrou uma corda guia para que os alunos pudessem se sentir mais seguros e realizar a atividade sozinhos, desenvolvendo assim a autoconfiança e trabalhando o medo dos alunos.



Jocemir Baehr Jr. - 2º ano - aluno especial

Os alunos se motivaram em praticar algo novo e inesperado dentro dos muros da escola, além de contar com um alto grau de diversão. O professor observou a execução do movimento e ajudou quando preciso.


A Educação Física deve sim, integrar o aluno na cultura corporal de movimento, mas de uma forma completa, transmitir conhecimentos sobre a saúde, sobre várias modalidades do mundo dos esportes e do fitness, adaptando o conteúdo das aulas à individualidade de cada aluno e a fase de desenvolvimento em que estes se encontram. É um momento de desenvolver as potencialidades de cada um, bem como, também oportunizar e incluir as crianças com necessidades especiais.



"Muito legal, a gente consegue se equilibrar. Mas mesmo assim ainda é um pouco difícil". Aluno Bernardo de Frnça da Silva - 1º ano 04.

"Achei bem legal, é muito divertido pois a gente fica no alto. É diferente andar na corda bamba". Aluna Natália Luiza Hanauer - Pré II 03.

Texto: Coordenadora Pedagógica Mari Camara, colaboração Professor Fernando Lazzaris

ALUNO DA EMEB RENATO PRADI É DESTAQUE NO CAMPEONATO CATARINENSE DE KARATÊ


O aluno Alex de Carvalho de Araújo, 8º ano da escola participou no último sábado(21/10) da final do campeonato Estadual de Karatê, na cidade de Navegante, Litoral Norte do estado, pelo Instituto Heller de Karatê.

A disputa ocorreu no Ginásio Poliesportivo do Sinergia. O campeonato foi promovido pela Escola de Karatê Amaro Dojo, em parceria com a Federação Interclubes de Karatê de Santa Catarina, com apoio da Fundação Municipal de Esportes de Navegantes. 



O evento iniciou com o desfile dos competidores, às 7h30, e apresentação do Kubudô e do Karatê baby e segue com as competições envolvendo a categoria mirim, a partir dos 5 anos de idade, até master, acima de 36 anos.

Alex é faixa preta 1º Dan da modalidade, sua especialidade são: Katá, kumitê e kubudô (armas brancas) e obteve os seguintes resultados:
  • 1º lugar Katá Kubudô - Individual, categoria 13 a 14 anos, absoluto.
  • 1º lugar Katá - Individual, categoria de 13 a 14 anos, 3º KYU acima.
  • 2º lugar Kumitê Luta – Individual, categoria de 13 a 14 anos, peso acima de 55kg.
  • 1º lugar Katá Kubudô Equipe - categoria de 13 a 14 anos, absoluto.
  • 1º lugar Kumitê Equipe - categoria de 13 a 14 anos, absoluto.
A EMEB Renato Pradi parabeniza o aluno Alex, bem como o Instituto Heller de Karatê, situado na Rua Francisco Hruschka, 355 - São Luís, Jaraguá do Sul, o instituto é dirigido pelo Sensei Dionísio Heller, que durante o evento recebeu o certificado de 7º Dan da Federação Interclubes de Karatê de Santa Catarina.

(Texto: Coordenadora Pedagógica Mari Camara)

quarta-feira, 25 de outubro de 2017

ALUNA DA EMEB RENATO PRADI É UMA DAS INTEGRANTES DA EQUIPE DE BASQUETEBOL SUB 12 DE JARAGUÁ DO SUL


Equipe de Basquetebol Sub 12
A equipe de basquetebol conquistou, em Florianópolis, o vice-campeonato do Estadual sub 12 no fim de semana, com jogos na sexta, sábado e domingo (20, 21 e 22). O time de Jaraguá do Sul jogou melhor que os adversários São Bento do Sul (52 x 42), Florianópolis (43x26), mas não segurou as pontas na final, contra Criciúma (27x18). O time terminou na primeira colocação na chave D, com outros três competidores, tendo vencido 11 dos 12 jogos disputados na temporada. O Estadual foi uma promoção da Federação Catarinense de Basketball, que também organizou uma palestra com Magic Paula. (Informações: Portal da Prefeitura de Jaraguá do Sul).

Eduarda Heinzle com os pais Cristiane e Alex
Hoje, a aluna do 6º ano da EMEB Renato Pradi, Eduarda Heinzle que é uma das integrantes da equipe de basquetebol sub 12 de Jaraguá do Sul, orgulhosa do resultado alcançado no último fim de semana trouxe a medalha para mostrar aos colegas de sala, bem como fez um relato da sua experiência durante a aula de Educação Física com a Professora Djeniffer Vasques. Eduarda relatou muito feliz a oportunidade de conhecer a ex-atleta de basquetebol Magic Paula, bem como, o apoio incondicional da sua família para ela praticar o esporte.
Turma do 6º ano 03
Há 16 anos, o catarinense Gustavo Kuerten, o Guga, chegava ao topo do ranking mundial de tênis, na época, fez o seguinte comentário: “Acho fundamental incentivar as crianças desde cedo a praticar esportes, não só por uma questão de saúde, mas também pelo desenvolvimento do raciocínio, da aprendizagem”. Continuemos a investir, incentivar e valorizar a atuação das crianças e jovens nas diversas áreas esportivas. A EMEB Renato Pradi parabeniza a equipe sub 12 de basquetebol de Jaraguá do Sul, bem como, a aluna Eduarda.
(Texto: Coordenadora Pedagógica Mari Camara)

sexta-feira, 20 de outubro de 2017

DIA DAS CRIANÇAS - “GINCANA ESPORTIVA”


Ainda, na programação das comemorações para o dia das crianças da quarta-feira(11) tínhamos a Gincana Esportiva – Pré I, Pré II e 1º anos. As atividades a serem desenvolvidas durante a gincana recreativa propõem o espírito de grupo, a socialização, a integração entre aluno-professor, aluno-aluno e entre as turmas.
As atividades foram desenvolvidas no ginásio de esportes da escola, nos seguintes horários:

Matutino
9h30 às 11h20 - Pré I, Pré II e 1º anos
Vespertino
15h às 16h50 - Pré I, Pré II e 1º anos
As atividades realizadas foram:
1 . Aquecimento: Música - Levantar os braços
2 . Dança da Cadeira
3 . Circuito
4 . Corrida dos Tamancos
5 . Estoura Balão no colo da Professora
6 . Cabo de Guerra
7 . Finalizar: Música – Estátua
Ao final, notou-se a alegria das crianças em participar das atividades, principalmente na tarefa em que eles precisam estourar um balão no colo da professora. Muita torcida na tarefa do cabo de guerra e na corrida dos tamancos, onde cada professora levava um aluno.
 



As coordenadoras Mari e Eveline agradecem a participação e colaboração das professoras Jenny, Morgana, Silene, Sônia B., Sonia V. e Joyci, ainda, aos professores de Educação Física Fernando e Lidiane, bem como a estagiária Elen, pois não mediram esforços para tornar as comemorações do dia das crianças mais um momento de aprendizagem para as crianças.
 



(Texto: Coordenadora Pedagógica Mari Camara).

quinta-feira, 19 de outubro de 2017

DIA DAS CRIANÇAS - “CAMA ELÁSTICA”


Na programação das comemorações para o dia das crianças, tivemos na terça-feira(10) a cama elástica. Brincar na cama elástica  gera um resultado que vai além da brincadeira. E os benefícios podem ser físicos e psicológicos. Os principais benefícios são: melhora da capacidade respiratória e cardíaca, aceleração do metabolismo, ajuda na socialização, equilíbrio, trabalha movimento e a musculatura.
As crianças adoram brincar na cama elástica, pular, pular e ser levada às alturas, descer em segundos e ser novamente impulsionada para cima. Essa brincadeira é uma atividade natural da criança, que não requer compromisso, planejamento e sim comportamentos espontâneos e geradores de prazer.
As turmas foram divididas por faixa etária e em horários específicos, sendo: 
Matutino

7h30 às 8h - 3º anos
8h às 8h30 - 4º ano
8h30 às 9h - 5º anos
9h às 9h30 - 2º anos
9h30 às 10h - 1º anos
10h às 10h45 - Pré I
10h45 às 11h20 - Pré II
Vespertino
13h às 13h30 - 3º anos
13h30 às 14h - 4º anos
14h às 14h30 - 5º ano
14h30 às 15h - 2º anos
15h às 15h30 - 1º anos
15h30 às 16h15 - Pré I
16h 15 às 16h50 - Pré II
O Algodão-doce foi entregue aos alunos durante o horário da cama-elástica.
Mas afinal o que é o algodão-doce e como é feito?
O algodão-doce nada mais é que um emaranhado de fios de açúcar cristalizado. A máquina de fazer o algodão-doce é constituída por um recipiente na forma de uma bacia e com um cilindro giratório no centro, dentro do qual é colocado o açúcar. As paredes do cilindro estão cobertas de pequeníssimos furos e são aquecidas por uma resistência eléctrica até cerca de 190ºC.
Quando se liga a máquina, o cilindro começa a girar e o açúcar é empurrado contra as suas paredes aquecidas, derretendo. Ao ganhar consistência viscosa, a força centrífuga faz com que o açúcar derretido comece a sair pelos furos para a bacia e em contacto com o ar frio volta à sua consistência normal, cristalizando-se em forma de fios. É nesta fase final que a pessoa que está a preparar o algodão-doce o começa a recolher com uma vareta, andando com ela à volta dentro da bacia.
Como curiosidade final, destaca-se que o algodão-doce é pobre em calorias pois tem pouco mais que uma colher de sopa de açúcar, ou seja, bem menos que um refrigerante.(Informações: http://origemdascoisas.com/a-origem-do-algodao-doce/).

Confira as fotos: Turmas: Pré I e Pré II    Turmas: 1º e 2º anos    Turmas: 3º ao 5º anos
 


                                                                                            (Texto: Coordenadora Pedagógica Mari Camara)


sábado, 14 de outubro de 2017

VERDADES DA PROFISSÃO DE PROFESSOR, SEGUNDO PAULO FREIRE



"Ninguém nega o valor da educação e que um bom professor é imprescindível. Mas, ainda que desejem bons professores para seus filhos, poucos pais desejam que seus filhos sejam professores. Isso nos mostra o reconhecimento que o trabalho de educar é duro, difícil e necessário, mas que permitimos que esses profissionais continuem sendo desvalorizados. Apesar de mal remunerados, com baixo prestígio social e responsabilizados pelo fracasso da educação, grande parte resiste e continua apaixonada pelo seu trabalho.
A data é um convite para que todos, pais, alunos, sociedade, repensemos nossos papéis e nossas atitudes, pois com elas demonstramos o compromisso com a educação que queremos. Aos professores, fica o convite para que não descuidem de sua missão de educar, nem desanimem diante dos desafios, nem deixem de educar as pessoas para serem “águias” e não apenas “galinhas”. Pois, se a educação sozinha não transforma a sociedade, sem ela, tampouco, a sociedade muda.”
Paulo Freire

(Edição: Coordenadora Pedagógica Mari Camara)

sexta-feira, 13 de outubro de 2017

DIA DAS CRIANÇAS - “FESTA À FANTASIA”


As comemorações do dia das crianças na escola Renato Pradi visam valorizar na criança o espírito de grupo, a integração e a socialização, deixando-a vivenciar e expressar o ser criança sem deixá-la esquecer de que é alguém muito especial, Bem como, proporcionar momentos agradáveis e prazerosos de lazer e diversão, participar de brincadeiras e da exploração de diferentes brinquedos e seguir regras durante jogos e brincadeiras. Além de degustar um delicioso picolé, algodão-doce e pipoca.
E começou com bastante diversão neste ano. A festa à fantasia que aconteceu na segunda-feira (09) no auditório do escola foi um sucesso com a criançada. Neste dia de muita diversão entramos no mundo dos contos de fada e nos caracterizamos de alguns personagens das histórias infantis e dos super-heróis. 
A festa à fantasia envolve o que as crianças mais amam: vestir-se como seus personagens preferidos ou curtir, ao menos por um dia, ser quem puder ser. As turmas foram divididas por faixa etária e em horários específicos, sendo:
Matutino
9h30 às 10h30 – Pré I e Pré II
10h30 às 11h20 – 1º e 2º anos
Vespertino
15h às 16h – Pré I e Pré II
16h às 16h50 – 1º e 2º anos  
Em seguida as turmas de Pré ao 5º ano degustaram um delicioso picolé.

Confira as fotos: "Pré I e Pré II"            "1º e 2º anos"            "3º ao 5º ano"

(Texto: Coordenadora Pedagógica Mari Camara) 

segunda-feira, 9 de outubro de 2017

CONFIRA COMO FOI O SARAU “DOCE E POESIA”


Durante o mês de setembro as professoras trabalharam o tema “Poesia” com as crianças das turmas de Pré I, Pré II e 1º anos. No dia 05 de outubro foi o dia da culinária para o sarau, neste dia cada turma preparou uma receita de biscoitinhos, bolachinhas e capcakes para socializar durante o sarau que aconteceu no dia 06 de outubro, intitulado Sarau “Doce e Poesia”.

O Sarau de Poesias teve como objetivo:
  • Desenvolver o gosto pela poesia;
  • Despertar novos valores na arte de interpretar;
  • Estimular e incentivar o hábito da leitura;
  • Reconhecer o sarau como um tipo de evento cultural;
  • Realizar uma aula de culinária;
  • Participar ativamente da organização e realização de um sarau.

    Aproveitamos a oportunidade para agradecer publicamente a empresa Arco-Íris Especialidades, situada na Rua João Januário Ayroso, 2555 - Jaraguá Esquerdo, Jaraguá do Sul – SC que fez uma doação de seus deliciosos biscoitos, entre eles: Cookie Integral de Aveia C/ Mel, Cookie Integral de Castanha-Do-Pará, Biscoito de Limão, Biscoito Kids de Leite, Biscoito Amanteigado de Coco e Biscoito Amanteigado Três Chocolates. 
    Bem como, agradecer o empenho e dedicação dos alunos, dos pais que ajudaram em casa e das professoras Jenny, Morgana, Silene, Sônia B., Sonia V. e Joyci. Obrigada pelo apoio das auxiliares de biblioteca Sandra, Ioná e Aline. E um agradecimento especial pela parceria das nossas agentes de nutrição e alimentação Angela, Emilia, Marenita, Roseni e Marinalva que nos ajudaram no dia da culinária. Não posso esquecer ainda da nossa agente de limpeza e conservação Léia e nossos estagiários Andréia, Caio e João. E a professora de Educação Física Lidiane.
    O sucesso do sarau foi por que cada um contribuiu um pouquinho.
     

    Acesse os links e confira todas as fotos...
     CULINÁRIA           SARAU "DOCE POESIA" - MATUTINO E VESPERTINO

                                         
                                  (Texto: Coordenadora Pedagógica Mari Camara)